“A educação para além do capital” em parceria com CALPSI

Curso realizado pela EFoP e UáE em 10 de abril de 2018


No dia 10/04, a Escola de Formação Política da Classe Trabalhadora - Vânia Bambirra em parceria com o Centro Acadêmico de Psicologia realizaram a formação intitulada “A Educação Para Além do Capital”. Diferentemente da primeira formação da Escola realizada sobre o assunto, essa possuiu como principal base a segunda parte do livro do filosofo húngaro István Mészáros, intitulada “Educação: o desenvolvimento contínuo da consciência socialista”.

No início, a formação tratou de discutir o histórico da educação e as transformações dos princípios defendidos para a mesma de acordo com cada período histórico, chegando a discussão de que a escola não possui mais qualquer relação e compromisso com o conhecimento. Isso foi explicitado por alguns exemplos e com a conclusão de que não há mais como realizar, nem mesmo na Universidade, reflexões complexas, com capacidade de pensar e operacionalizar conceitos com graus de abstração elevados.

Portanto, o objetivo da formação foi conseguir articular essas discussões sobre a educação para defender, no fim, que devemos pensar uma nova sociedade em que a principal relação entre os sujeitos seja através do conhecimento. Mesmo que, o tempo inteiro estamos cercados pela lógica do capital, nos mostrando que não é possível pensar uma nova sociedade e que nem mesmo é necessária a transformação da mesma.

“Ademais, o que torna as coisas ainda piores é que a educação contínua do sistema do capital tem como cerne a asserção de que a própria ordem social estabelecida não precisa de nenhuma mudança significativa. Precisa apenas de uma “regulação mais exata” em suas margens, que se deve alcançar pela metodologia do “pouco a pouco”. Por conseguinte, o significado mais profundo da educação contínua da ordem estabelecida é a imposição arbitrária da crença da absoluta inalterabilidade de suas determinações estruturais fundamentais.” (A educação para além do capital, István Mészáros, pg. 82)

Porém, desde as teorizações de Marx, sabemos que possuímos uma tarefa histórica a ser concretizada: a superação do capitalismo e a criação de uma nova sociedade viável, capaz de ser qualitativamente diferente. E nisso a educação, como desenvolvimento contínuo da consciência socialista possui um papel crucial, tanto na compreensão a fundo dos processos da sociedade para transformá-la, quanto na socialização dos saberes produzidos.

Escola de Formação Política da Classe Trabalhadora - Vânia Bambirra. 2017-2018. Florianópolis, SC

efop.vaniabambirra@gmail.com